ASCEVI PROMOVE EVENTO DO SETOR VIDREIRO NO CINEMA EM CHAPECÓ (SC)

PROGRAMA BRASILEIRO DE ETIQUETAGEM POSSUI A ETIQUETA PBE EDIFICA
agosto 31, 2021

ASCEVI PROMOVE EVENTO DO SETOR VIDREIRO NO CINEMA EM CHAPECÓ (SC)

Desde o início da pandemia, esse foi o primeiro encontro no espaço, que reuniu 110 participantes

No último sábado (2 de outubro), a Associação Catarinense de Empresas Vidreiras (Ascevi) promoveu, em Chapecó (SC), o evento Vidro no Cinema, primeiro do setor vidreiro nesse espaço após o início da pandemia. A sessão exclusiva para o setor contou com a presença de 110 participantes e com conteúdos de alta qualidade, lançamentos, sorteios e uma área dedicada à exposição de produtos.

O Presidente do Sindicavidros e fundador da Ascevi, Samir Cardoso, comemorou o fato de poder reunir o setor novamente com a missão de difundir informação de qualidade. Segundo ele, no próximo ano, a expectativa é que a entidade esteja na estrada com iniciativas como essa para apoiar o mercado vidreiro.

“O assunto abordado foi o que o público queria ouvir, tanto os arquitetos quanto os vidraceiros. Deu para notar que o pessoal queria mais. Para nós, como direção da Ascevi, foi uma satisfação muito grande poder promover um evento como esse”, destacou Samir.

No evento, Junior Silva, da equipe de trade da Cebrace, abordou a linha de vidros de controle solar da usina, eficiência energética, além de apresentar um filme com todos os detalhes técnicos da fabricação do produto e cases com sua aplicação em empreendimentos brasileiros.

“Nós acreditamos que é muito importante trazer conhecimento para o nosso setor. Educar o mercado é oferecer informações para que nós possamos trabalhar sempre de acordo com as normas e trazer os melhores produtos e benefícios para o consumidor. Por isso, a importância desse evento, ainda mais na retomada pela qual estamos passando”, destacou Silva.

Já a palestrante e auditora da qualidade Franciny Marques falou sobre a importância de trabalhar de acordo com as normas da ABNT, abordando as mais importantes para o setor, e apresentou tendências de aplicação com vidros em boxes, sacadas, guarda-corpos e coberturas, além de explicar todos os cuidados necessários no momento da escolha das ferragens para essas instalações.

Foram fornecidos vouchers de alimentação a serem utilizados no local com validade estendida até uma semana após o evento.

O proprietário da Sinandro Vidros, Sinandro Vargas, participou do evento e ressaltou a importância do conteúdo abordado. “Normas sempre são importantes. A gente já conhece o tema, mas sempre é bom aprender um pouco mais”, explicou.

Além disso, o evento contou com apresentação da Cebrace e da SVA Vidros e patrocínio da Acidatos, ECG Sistemas, Lopes Máquinas, Solução System Glass e Vitral Sul.

SATISFAÇÃO DO PÚBLICO

As pesquisas aplicadas no evento demonstraram que o público ficou muito satisfeito. A Ascevi recebeu inúmeras solicitações para retornar a Chapecó com um conteúdo mais aprofundado e completo sobre as normas. Essa realidade, que era distante há alguns anos, hoje é uma grande vitória, pois a associação percebe a evolução dos profissionais do mercado, que se interessam pelo tema escolhido para essa iniciativa.

O diretor regional Oeste da Ascevi, João Bolsi, que é também proprietário da SVA Vidros, parabenizou a iniciativa da entidade. “Estamos sentindo que nosso dever foi cumprido. Nós conseguimos reunir um bom público, que são pessoas que estão buscando se profissionalizar cada vez mais”, destacou Bolsi.

RESPEITO ÀS NORMAS SANITÁRIAS

A sessão aconteceu no cinema Pátio Chapecó. Todos os cuidados sanitários foram tomados para garantir a proteção e a saúde dos participantes. Para isso, houve medição de temperatura na entrada do shopping, entrega de álcool gel personalizado na entrada do evento e a exigência de utilização de máscara em todas as áreas do cinema.

CONTRIBUIÇÃO SOCIAL

O ingresso foi gratuito, mas a Ascevi solicitou aos participantes a doação de 1kg de alimento não perecível. Com isso, no total, foram arrecadados 80kg de alimentos, que foram doados à instituição Verde Vida, de Chapecó.

A Verde Vida atende jovens em situação de vulnerabilidade, na faixa etária de 10 a 17 anos, através de oficinas socioeducativas, de convivência educativa e educadora, com a prática de atividades lúdicas, de formação pessoal, de reforço escolar e de integração ao mercado de trabalho.